Publicidade

Acesso rápido

Review Notebook LG S460

Postado por Guilherme Batista, em 15/05/2013

Daí que no fim do ano eu estava precisando de um notebook. Sacumé, o meu HP queimou, o meu da Dell vivia no conserto por conta de uma tela... enfins, eu precisava de um segundo computador, enquanto deixava outro de backup. Entonces rolou de o Extra estar com esse LG em promoção, e as configurações dele me agradavam: 4gb de RAM, 320GB de HD (a única coisa que me deixou chatiado... podia ter um HD maior não?), Core I3 3ª geração, Windows 8, e duas coisas que eu prezo em qualquer compra: conexões na medida e Bluetooth.

Conexões na medida porque, meu querido, eu canso de ver computadores saindo, de fábrica, com 4 USBs 2.0 (nada de 3.0, como esse daqui), porta de RJ 11 - aquele conector de telefone, como se eu fosse utilizar um FAX no notebook, porta E-SATA (que até hoje eu não sei pra que porra eu vou utilizar aquilo)... Ou faltando conexões básica, como portas extras de USB, HDMI, e por aí vai. Você ficaria admirado se, por ventura, se preocupasse com as conexões que você NÃO VAI USAR EM HIPÓTESE ALGUMA e que só servirão para acumular poeira no seu precioso computador.

E Bluetooth porque... Olha. Meu amigo. MEU AMIGO. É difícil achar um computador que custe até R$1200, com Bluetooth e que não vá ter um processador ou memória furreca. É muito 8 ou 80: computador  abaixo dos R$1200 tem um processador AMD chulumbrega, ou 2gb de RAM, ou não tem Blueooth. Quando os 3 itens estão presentes de forma correta, o preço do bicho sobe para a casa dos R$1600. Isso para não falar daquelas buchas que a Samsung e a Lenovo vendem: constroem uma máquina de R$ 1600 com 2gb de RAM, sem bluetooth e um Core iX de segunda geração (normalmente core I5 ou I3)... Não tem como, né?


Voltando ao notebook...
O hardware, aliado ao Windows 8, tem um excelente funcionamento. Raramente tenho problemas com programas travando, LAGs, erros de memória ou qualquer coisa do tipo... é o computador que eu usaria para trabalhar em maiores problemas (SE me pagassem para usar meu notebook, óbvio). Incluindo aí alguns programinhas pesados, tipo Photoshop, Illustrator e Flash. Também executo o Office 2013, o Visual Basic Express, uma máquina virtual com Windows XP, o iTunes, o Chrome e o Dreamweaver.
Isso tudo em um dia normal de trabalho. Fora as horas em que paro para alguns joguinhos antigos legais, tipo Portal 2, GTA IV, Red Alert 3... Apesar de ultimamente eu estar jogando mais no celular do que no computador.

Uma coisa pretty cool que achei no notebook: porta USB 3.0. Ainda não usei ela com outros dispositivos 3.0, mas o que são 2.0 parecem que se benificiam com a transferência de dados com ela. Fora que a bicha é energizada, o que quer dizer que, na melhor das hipóteses, você pode conectar um celular ou tablet ali para recarregar a bateria (usando como fonte de energia a bateria do notebook), ou, se você gosta de abusar dos seus equipamentos, conectar um HUB USB nele e colocar vários dispositivos para recarregar a partir daquela porta - mas nesse caso, eu recomendo que o notebook esteja conectado em uma tomada. Vai que, né?

Dia a dia
Já disse que o computador raramente tem problemas. E raramente, é raramente mesmo. Desde que comprei ele, só desliguei umas 3 vezes. Na maioria das vezes, ele fica em modo sleep, fora da tomada, ou trabalhando. Fazer isso embanana os drives de conexão do Windows, até a versão 7; na 8, ele parece que resolveu esse tipo de problema.

Um pequeno detalhe sobre o Windows 8: ele realmente é rápido, muito rápido. O computador inicia em 18 segundos, depois que eu instalei tudo que queria nele. É o tempo de, no máximo, espirrar e entrar com o usuário e a senha. Entretanto, a interface Modern (ex-Metro) não foi feita para ser usada com um mouse.
Ela é muito boa para touchscreen, não nego, mas forçar o uso dela com o mouse + trackpad + teclado... não. Simplesmente não. Não casa, não há sinergia entre um e outro, e você fica o tempo todo alternando entre interface Modern e interface Desktop. E é um pouco difícil se acostumar a usar o botão Iniciar para ir para a Metro caçar os programas que você usa. Felizmente, a Microsoft parece que vai resolver isso no Windows 8.1, mas até lá, fica esse gosto aguado de produto inacabado, lançado às pressas, para tentar conquistar um mercado de tablets já colonizado pela Apple e Samsung.

Quanto ao notebook, bom, ele é bom. O software é toda essa maravilha, o hardware é algo atualizado para os padrões atuais, mas... há um problema grave com a construção do computador em si. O plástico utilizado nele aparenta muito má construção. Não é nada agradável ao toque, parece um material vagabundo. Positivo e Acer conseguem utilizar alumínio na construção de seus notebooks mais básicos, por que a LG não conseguiria? Quanto ao teclado, apesar de ser silencioso e macio, também não é nada gostoso de mexer nele - com o tempo você se acostuma, mas durante um bom tempo, meus dedos se sentiam rejeitados pelas teclas dele. Talvez eu tenha essa impressão depois de utilizar, por um tempo, o Dell Vostro V13, cujo topcase é todo de aluminio. Pelo menos no LG temos mais teclas de atalho com a tecla Fn: perfis de usuário, zoom, colocar o computador para dormir, desligar o trackpad, o wi-fi, duplicar / extender o vídeo, perfis de som, mudo, e a mais motherfucka, ventoinha silenciosa on/off. E mesmo no "modo barulhento", a ventoinha faz pouquíssimo barulho. Eu já utilizei a máquina a toda prova em uma madrugada, e a menos que você esteja tentando ouvir o barulho da dita cuja, você não vai ser incomodado por ela.
Senti falta de teclas de atalho multi-mídia, como as que existem nos HPs, mas isso não me incomodou tanto assim; Utilizo muito mais o celular com um fone de ouvido bluetooth, que já vem com controles no próprio fone.

Posto isso, meus caros, recomendo muito a compra desses notebooks da Samsung. São computadores de construção espartana, mas de configuração honesta e que aguenta o tranco. Eu diria que, se fossem carros, estariam próximos da Volkswagem. Recomendo muitíssimo a compra - existem algumas máquinas da LG, com placa de vídeo dedicada, por um preço um pouco mais acima. São computadores bons mesmo.

3 comentários:

Anônimo disse...

Bom review amigo, porém vc rateou no final quando disse que recomenda este notebook da "Samsung"?!? kkkkk

Mas do resto valeu!

Guilherme Batista disse...

HAHHAHAHAHAHA Depois de 1 ano vejo essa falha XD

Obrigado pelo aviso! Vou corrigir já :)

Anônimo disse...

Cara, tô saindo do limbo com a compra do LG S460... Tipo "coming from the cold". Estava usando um Intelbras i21 que, diga-se de passagem, é guerreiro e tá na rotina até hoje (mesmo travando com planilhas mais "pesadinhas" de excel).
De uma forma geral, todas as pessoas que usavam configurações e máquinas inferiores ao LG S460 estão maravilhadas com ele. Gostei do seu comentário por ser engraçado em certos momentos, mas principalmente porque vc tem experiência com outras marcas. Gostaria de acrescentar uma informação aos usuários (dependentes) do Office: LG S460 vem com a versão Trial do Office 2010. Ou seja, um dia o Office vai parar a não ser que vc a compre... A alternativa é usar o BrOffice (é gratuito e compatível ao MS Office!). Por fim, quem tá na dúvida de comprar um Note de boa qualidade, pode confiar nessa máquina. Tenho usado ela pra quase tudo... não curto jogos mas conectei ele na minha TV Sony Bravia e tenho assistido a filmes via Netflix em HD... muito bom mesmo! Abraços.

ACESSO RÁPIDO

STAY IN TOUCH

COPYRIGHT Guilherme Batista

Todos direitos reservados