Publicidade

Acesso rápido

Vendedores

Postado por Guilherme Batista, em 01/09/2007

Eu acordo pela manhã e falo:
"Hoje eu serei um cara bondoso, educado e legal com as pessoas!"

Mas aí durante o dia elas imploram:
"POR FAVOR, SEJA ORC!"

Como hoje, em que eu saí de um curso e, aproveitando que estou com o rabo cheio da grana - sim, eu vendi meu corpo no jokey club, eu admito! - e fui dar uma recauchutada no vestuário.

Afinal, eu sou um cara que gosta de roupas. A camiseta que estou usando, por exemplo, é uma do pearl jam, em estado novo - que eu comprei em 1990.
Isso porque a calça de tac tel tá com tantos remendos que eu posso usar no São João sem precisar customizar ela pra tal festividade.

Primeiro, calçados. Isso foi sossegado. Tudo bem que a vendedora quis me empurrar um tênis que eu esqueci o modelo - mas marquei o preço, 1500 dinheiros brasileiros - e uma sandália bicha pra caralho. Mas fiquei mesmo com um da rainha, preto e laranja.

Ok, agora vamos à calça!
Ao chegar na loja eis que, depois de quase meia hora esperando atendimento, me deparo com a primeira vendedora burra em km³:
"Oi, eu gostoria de ver os jeans de vocês..."
"para vestir?"

Desisti da calça na hora.

Nenhum comentário:

ACESSO RÁPIDO

STAY IN TOUCH

COPYRIGHT Guilherme Batista

Todos direitos reservados